Infraestrutura de TIC

    W3 fornecedora de Infraestrutura

    Serviços e Outsourcing de TIC

    Infraestrutura é foco do olhar da W3INOVA na prestação de serviços e no outsourcing de TIC (Tecnologia da Informação e Comunicação). Em primeiro lugar nosso olhar está em levar as empresas a alcançar um alto desempenho, incluindo redução de custo e rentabilidade sustentável, dando condição para a empresa cuidar do seu negócio, mesmo durante períodos de instabilidade econômica.

    Abrangência

    A W3 oferece um conjunto flexível de serviços, desde uma completa transformação do modelo do cliente até a intervenção em um simples custo específico ou em um problema de performance. Ao mesmo tempo, os serviços W3 ajudam na contenção de custos em TIC, e a racionalização das operações nessa área. Ademais para alavancar seus negócios as empresas precisam de infraestrutura adequada, com baixo custo, de modo a atender as necessidades atuais e futuras.

    Melhorar aplicações e processos críticos por meio da transformação digital é o que as empresas têm buscado, assim como:

    • Controle de SLA de cada componente dos processos de TIC.
    • De forma rápida alcançar a redução de custos, permitindo o reinvestimento em projetos de maior valor agregado.
    • Com foco e controle, projetar fica mais fácil, melhorando a eficiência operacional de TIC e, ao mesmo tempo, reduzir custos relacionados a gestão de TIC.
    • Reduzir a participação dos custos referentes à aquisição de bens e serviços em TIC.
    • Implementar rapidamente tecnologias de última geração
    • Conduzir melhoria contínua por meio de dados coletados das fontes das operações da empresa.

    Quando o cliente une seu outsourcing de infraestrutura ao seu outsourcing de aplicativos e até o outsourcing de processos de negócios, terá controle no que paga, e garantia contratual do que receberá. Como por exemplo:

    • Padronização e integração com a redução dos custos na gestão de outsourcing.
    • Redução total dos custos de direitos de uso de TIC.
    • Flexibilidade e escalabilidade para ter atendido necessidades futuras.
    • Visibilidade a todo parque instalado de aplicativos a infraestrutura de suporte para TIC.
    • Redução do risco e da complexidade.

    Infraestrutura embarcada em CLOUD

    A Cloud Computing (computação em nuvem) vem causando muitas transformações digitais e já tem um lugar de destaque no mundo corporativo. Apesar de estar presente na vida das empresas, muitas vezes não se dá conta do pacote de serviços encapsulado nos serviços e modelos em nuvem.

    Siglas como SaaS (Software como Serviço), PaaS (Plataforma como um Serviço), IaaS (Infraestrutura como Serviço) e CaaS (Comunicação como serviço) se confundem com definições de redes públicas, privadas e híbridas. Parece complexo, mas só parece, pois na verdade são aplicações e serviços já conhecidos entregues de formas unificadas e específicas.

    Leia mais sobre Modelos de Negócios para Comunicação Corporativa

    A primeira premissa é que Cloud Computing, não é um produto, mas um serviço. Portanto a empresa não adquire licenças, não compra servidores ou uma plataforma de desenvolvimento. Desse modo o que é fornecido é o acesso às funcionalidades e à infraestrutura desses softwares e hardwares.

    Em conclusão, a oferta destas soluções completas em nuvem, faz com que a infraestrutura que estava interna passa a ser responsabilidade do fornecedor da solução. Um outsourcing completo, com infraestrutura, sistemas e serviços de gestão.

    De cara qualquer soluções ofertadas em CLOUD, é um conjunto dos seguintes itens:

    Data Center

    Que é composto normalmente com sistemas de energia ininterruptas, resfriamento, garantia de continuidade, redundâncias de acesso, backup, NOC e Operação Assistida na infraestrutura.

    Servidores virtuais

    Na verdade uma rede de servidores físicos que em uma topologia são ofertados de forma virtual. As ofertas neste caso podem variar para uma oferta mais dedicada e até de servidores físicos. Isso depende da necessidade de segurança e processamento da aplicação. Mas de qualquer forma é normalmente o provedor de Cloud Computing que entrega esta infraestrutura como serviço, como acesso.

    Armazenamento

    As formas de armazenamento e backup de dados são um item sensível nesta oferta. Muitas vezes junto com os servidores, em discos rígidos, ou mesmo em outros servidores com o papel exclusivo de armazenagem de dados.

    Softwares

    Em vez de comprar licenças de softwares as ofertas em Cloud são feitas pelo acesso e pelo uso de determinado software. Este implementado com a infraestrutura já citada. Quando se fala em acesso, estamos nos referindo a plataformas de sistemas em eterno desenvolvimento e melhoria. Com algum engessamento em customizações específicas, mas com a responsabilidade de acompanhar a evolução tecnológica delegada ao fornecedor do software.

    Serviços especializados e Gestão
    Em alguns casos, a infraestrutura e a plataforma de sistemas é ofertada com serviços de gestão especializada, garantindo a empresa o suporte ao uso, e operação assistida de especialista do sistema, que neste caso se aprofunda no negócio e não somente na infraestrutura.

    Saiba o que é CaaS e o que este é composto.

    É a hora de outsourcing de infraestrutura?

    Antes de responder, infraestrutura local ou em nuvem? Sem entrar em uma análise técnica, que pode ser visto aqui, o fato é que de qualquer forma a infraestrutura de soluções em CLOUD já esta nas mãos de outras empresas. Então a pergunta correta é: é hora aumentar o outsourcing de infraestrutura?

    O tempo que as equipes de TIC em atividades operacionais e rotineiras, como reuniões, chega ser de 80%, conforme o IDC. A trabalho com a infraestrutura como: solução de problemas, provisionamento de armazenamento, servidor e rede e monitoramento fica com o restante. Do mesmo conceito da computação em nuvem, temos os serviços de TIC “em nuvem”. O outsourcing dos serviços de TIC, garante o pagamento só do que usar, garantindo o foco no negócio aos gestores de TIC da empresa.

    A contratação de serviço de TIC, de maneira elástica e escalável, no qual a empresa paga apenas pelo que usar, se torna uma opção viável. Este modelo viabiliza a condição de expansão não só do espaço em disco, e processamento, como também os serviços necessários para sua gestão. A empresa pronta para crescer conforme as necessidades de seu negócio. A motivação para a decisão imediata está no fato de empresas já conseguírem obter um ganho financeiro e upgrade tecnológico imediato. Parece simples, mas é mesmo, pois retiramos a necessidade de provisionamento de infraestrutura de TIC, de meses, ou anos antes da expansão do negócio. Assim pagamento e fluxo de caixa se alinham.

    Por que a W3INOVA?

    A W3 nasceu integradora, trabalhando sempre com conceitos de Business Process Management (BPM), garante uma visão analítica e de gestão a todos os processos de TIC. Certamente, gerir uma infraestrutura com a visão do negócio é nosso diferencial. Além disso, a gestão eficaz da infraestrutura pode ser medida por meio de sua contribuição para o sucesso do negócio na totalidade.

    Uma vez que a W3 é uma especialista em redes e sistemas de TIC, entrega serviços e outsourcing de infraestrutura, a mais de 20 anos. Assim acumula a expertise no uso de soluções de tecnologia, aplicando no outsourcing de infraestrutura, oferece controle de custos em toda cadeia de serviços de TIC.

    Desse modo ao iniciar na estratégia do projeto, depois na operação, a W3 ajuda os clientes a obter alto desempenho por meio da criação de medidas mais eficazes, seguras e de uma infraestrutura que se adapte melhor às necessidades do negócio. Sobretudo graças à combinação de visão de transformação tecnológica com experiência operacional e gestão de implementação, para alcançar alinhamento estratégico.

    Certamente a tecnologia é o instrumento para um projeto. No entanto estar obrigatoriamente ligado a uma tecnologia cria uma deformação na criação da solução do problema. Desse modo, a W3 com independência tecnológica traz a isenção para as melhores escolhas.

    Em outras palavras, a forma de consumir TIC está mudando. Então a flexibilidade agora, é condição obrigatória. Assim surge a necessidade de pensar na melhor forma de maximizar os recursos, e até ser disruptivo e mudar a formar como sua empresa tem consumido TIC. Não só recursos financeiros como também humanos, investidos na gestão da infraestrutura de TIC. A flexibilidade da W3 nos contratos com nossos clientes se encaixa com a diversidade de culturas organizacionais e permite mudanças em um ritmo confortável para cada empresa.

    Deixe uma resposta